Quarta-feira, 21 de Março de 2007

A Frieza...




... não sei o que se passa comigo... tenho todos os motivos para me sentir bem, Feliz, mas... há aqui qlqr coisa que me incomoda, que me fragiliza, que me magoa, e não consigo descortinar o que é...

Neste domingo tive uma quebra de humor, depois do almoço (infelizmente ainda me acontece mt isto ), mas o meu querido está a par de que ainda estou a recuperar da depressão, e é sempre super atencioso, respeita estas alterações, e preocupa-se mt comigo. Infelizmente, eu é que não estou ainda muito apta a ter uma relação, e como tal, por causa de ter entendido mal uma situação que se passou entre nós, calei-me, deduzi o pior, a agi friamente, de acordo com o que tinha, estúpidamente, deduzido... esta frieza acabou por me ser retribuída por ele, e as coisas estiveram por um fio. Primeiro, porque eu não sei lidar com frieza nem com distânciamento, mt menos da parte de um homem que diz que me ama; para mim é inaceitável. E segundo, porque tb eu tive uma atitude para com ele, que ele considera inaceitável... bem , durante algumas horas andei a rondar o meu Inferno, que ainda está meio aceso, e a fazer sérias contas a que raio se estáva a passar comigo... o resultado disto foi ele ter-me mostrado que é capaz de ser extremamente frio para comigo, e facilmente distânciar-se de nós, de tudo o que de bom temos vindo a construír, e dizer-me: "isto ainda está no princípio, e se é para esta situação se repetir, é melhor não continuar.". Bonito... nem queria acreditar que era ele no outro lado da linha, a ser capaz de dizer isto... "Mas estás a dizer que não queres continuar, não vale a pena?", "Não é isso, estou a dizer que isto não se pode repetir, e se for para se repetir, aí sim, não vale a pena continuar."... pois é, ele tinha razão. Eu tb não quero mal entendidos na minha Vida, não quero calar, em vez de falar e esclarecer as coisas, não quero ter macaquinhos no sótão. Ele tinha razão. Lá falámos, lá esclarecemos as coisas, e tinha ficado tudo bem, não fosse a atitude dele continuar a ser extremamente fria ao ponto de eu lhe dizer: "Estás a castigar-me por isto.", "Não estou.", "Estás.", "Estou chateado e magoado. A gente amanhã fala.", "Como queiras, obrigo-me a respeitar a tua vontade.". E desligámos. Para mim ficou tudo mal na mesma, a frieza continuava, e não estáva a conseguir digerir a coisa. Andei ali às voltas no quarto, acabei por me deitar, e qd já estáva quase dormir, o tlm toca. Era ele. "Olha, é só para te dizer para não passares uma noite má, está bem? Isto resolve-se. Mas não passes mal a noite, sim?"... bem, desarmou-me por complecto... só tinha vontade de chorar e de lhe dizer "obrigada!", mas aguentei-me, e disse-lhe que assim já não tinha motivos para ter uma má noite :) na manhã seguinte ele foi ter comigo, conversámos, dissemos coisas muito importantes um ao outro, demos muitos muitos muitos beijinhos, e... ficou tudo bem.

Agora...
Cá dentro ficou plantada a sementinha do medo... medo que à mínima falha minha, ele seja outra vez irrascível de frieza... que ele ponha tudo em causa... por um dia mau (quem não os tem?), por uma falha, por algum outro mal-entendido que possa surgir... como lhe disse, sou apenas humana, imperfeita e com falhas...
Mas eu não devia pensar assim... depois do que aconteceu, ele já me disse tantas vezes que eu não tenho motivos para estar triste, que não me quer ver triste, que já tinha passado tudo. Mas não sei. Não estou a conseguir digerir isto. Preciso de tempo para que ele me prove que posso voltar a acreditar nele, em nós, que ele é capaz de perdoar sem magoar, sem castigar... eu aprendi isso, a perdoar sem ter que castigar primeiro, como sempre fiz... aprendi isso. Se se gosta, se a situação foi esclarecida, não há mais nada de mau para guardar, vamos é aproveitar que já temos débito de Momentos Felizes... em vez de ficar agarrada à situação, a remoer, a criar mágoa...
... mas frieza não. Não consigo. Assusta-me. Ainda tenho de aprender a proteger-me contra ela, e a saber perdoá-la quando for preciso ( e agora é tão preciso...)...
;'(
aluado por Bianca às 10:41
link do post | vem até à minha Lua Azul | favorito
|
10 comentários:
De acorda_vivo a 21 de Março de 2007 às 11:54
Só tens que ser simplesmente HUMANA com todso os teus defeitos, qualidades, fraquezas e coragens, desde que sejas sempre tu, um ser humano com vontades e metas a atingir na vida com conciencia do que quer do que sente do que gost ou não o que aceita ou não... estarás sempre certa independentemente do que os outros poderão pensar. Pensa, decide e coragem que a vida está ai para ser vivida. AMO-TE como ninguém :)
De Bianca a 21 de Março de 2007 às 15:11
Lindaaaaaaaa :D
Pois é, tens razão em tudo o que dizes, sou apenas humana, e tenho ainda muita coisa para arrumar aqui dentro, inclusivé, a mania de olhar a pequenos pormenores que só eu vejo, e só eu lhes atribuo importância... se eu sou humana, as outras pessoas tb o são, não são perfeitos, e não posso esperar isso de ninguém, nem sequer da pessoa que escolhi para me acompanhar na Vida...
Um beijinho enorme, adoro-te :***
De sonhos de algodão a 21 de Março de 2007 às 12:00
Bianca, as hormonas fazem as mulheres ver as coisas de forma muito diferente dos homens, para começar, nos é que temos maus momentos, nós é que choramos por tudo e por nada, nós é que nos sentimos em baixo porque achamos que estamos gordas, ou magras, ou com olheiras, ou porque encontramos uma ruga nova, ou porque vimos uns sapatos na montra lindissimos mas não os podemos comprar, ou porque decidimos fazer uma dieta rigorosa mas ele decide fazer-nos uma supresa e levar-nos a comer um rodizio, ou porque vimos aquele ex-namorado lidissimo com uma gaja toda boa e achamos que estamos a ficar um horror... Exemplos efemeros que mexem com uma mulher, que a faz ficar sensível, chorosa, irritada, pouco simpática e acessível. O meu marido costuma dizer que a mulher é um bicho estranho, eu assino em baixo e acrescento que " sou o mais estranho de todos". A questão é esta, ele preocupou-se em saber o que te magoa e te faz ficar assim com essa mudança de humor? Ele apoiou-te? Então não te feches nessa concha, como se guardasses uma perola valiosa, ele não quer roubar a perola, apenas a quer admirar, acariciar, amar... Tem calma acima de tudo e nesses momentos explica ao teu querido que estás a passar por uma fase esquisita e talvez alguns dos teus comportamentos sejam desfasados... Sei lá, também nunca fui muito boa em relações amorosas, ainda por cima dou uma manipuladora nata. Bem as minhas hormonas andam em ebulição e eu estou impossivel, mas a minha história é outra...
beijos, tem calma, respira fundo e conta até 10 bem devagarinho, dando uma respiradela entre cada contagem.
De Bianca a 21 de Março de 2007 às 15:19
Querida Sonhos,
Sim, ele apoia-me a 100%, está sempre a querer arrastar-me para o médico "Vamos tratar disso, temos de tratar disso.", eu é que "fujo" sempre, digo que logo vou, que vou ao SAP, bla bla bla... e diz-me vezes sem conta: "não fiques triste, não há motivos para isso, não te quero ver triste.", dá-me carinho, faz-me companhia (e eu a ele, claro está!), é excelente comigo... mas esta cena que ele ter virado pedra de gelo ali naquela situação... mexeu mt comigo, ele deu-me um abanão do caraças, pôs-me no meu lugar, e mostrou-me que com ele não me posso esticar, senão levo um par de patins, lol... isso por um lado é bom, pois contribui para o meu trabalho interior de melhorar o meu feitio e crescer enquanto Mulher e ser-humano, mas por outro lado deixou-me insegura em relação ao nosso futuro... enfim, como diz uma grande Amiga minha, não há nada que o tempo não mostre, e que com o tempo não vá ao lugar. Por isso, tenho é de tirar estes macaquinhos da cabeça, atinar-me e agarrar-me à vida...
Ah, e contar até 100 (10 é pouco, lol) e tentar não hiperventilar :p
Uma beijoca enorme amiga :**
De Lili a 21 de Março de 2007 às 14:55
Olá Amiga!
Aqui venho eu mostrar mais um ponto de vista ... sempre correndo o risco de estar errada...
Todos temos direito a errar, mas como se costuma dizer: as desculpas não se pedem, evitam-se! E se calhar é isso que o teu 'amor' te quer dizer, que ficou magoado com a tua reacção, que te perdoa, mas que não quer que isto volte a acontecer. Tal como tu te fechas não tua conchinha quando te sentes magoada (tu e todos nós) ele acabou por fazer o mesmo.
Pensa somente que um bocadinho de medo de perder uma 'coisa preciosa' te fará evitar certos erros, mas nunca te prives de dizer o que te vai na alma e de seres 100% verdadeira!
Beijinhos
Liliana
De Bianca a 21 de Março de 2007 às 15:30
Lili... minha querida Amiga :)
Tens razão, tb houve uma amiga minha que me disse: ele quis assustar-te, para ver como reagias (não esqueçamos que este menino tem mais 11 anos de Vida do que eu) e para te pôr no lugar... as desculpas não se pedem, evitam-se, e este erro, que cometi, este mal-entendido que levou a este mar de frieza, era perfeitamente evitado se eu não me tivesse calado, e viajado no espaço...
E tb é verdade que qd temos medo de perder alguma coisa, evitamos mts erros, estamos mais alerta, mais atentos... sem nunca ser subjugada, sem nunca ser rebaixada (nunca!), e conversando sempre sobre o que nos vai na Alma... é essa a receita...
Obrigada Lili, tudo de bom para ti Amiga :**
De olha_por_mim a 21 de Março de 2007 às 15:09
Olá amiga...
Pelo que li neste teu post...vejo que ainda estás muito insegura...
Amiga nós mulheres somos mais sensíveis...mas tb há muitos homens assim...e a frieza dele não foi de certeza para te castigar...porque senão ele não te telefonaria a perguntar se ias dormir bem...ele perdoou-te mas é normal que tenha ficado magoado...a mim acontece-me o mesmo...se me chateio sou capaz de perdoar logo...mas ando ali umas horas um pouco amuada até esquecer o assunto...ou até tentar perceber o que se passou ao certo...e tu de certeza que tb assim ficas...todos nos humanos ficamos...
Tu ainda tens é insegurança...o que é normal...tens medo q a relação volte a não dar certo...tens medo de amar...mas amiga...tens de voltar a ter confiança...deixa-te levar por este amor...pelo que contas aqui ele parece amar-te muito e preocupasse muito ctg...por isso discussões todos temos...e digo-te por vezes até é saudável...faz com que o casal se une ainda mais...
Liberta-te desse medo e tem confiança...vais ver que tudo vai correr bem...e que vais-te sentir bastante melhor...
Beijocas grandes e fica bem
De Bianca a 21 de Março de 2007 às 15:41
Olha Por Mim... o teu comentário está excelente... até me tinha esquecido que eu já fui assim, até podia perdoar, mas andava ali ainda algum tempo com aquilo na cabeça e não tinha vontade de estar logo com a pessoa...entretanto aprendi a recuperar rápido dessas mágoas, e sou capaz de passar à frente da coisa, uma vez resolvida e esclarecida, com um arapidez que nunca imaginei... eu, que sempre fui de amuar, e fazer birra, e amuar... bah!...
... e sim, tenho medo de amar. Tenho muito medo de amar este homem. Não quero sofrer, não quero depender dele, não quero voltar a depender do meu coração para estar bem... tenho medo :'| ia morrendo por causa de amar, amiga...
eu sei que tenho de ultrapassar este medo... o meu querido é diferente... é um Homem, e vejo que está preparado para a Vida que tb ambiciono para mim...o estar preparado acho que é mt importante. E ele está. O que ainda me dá mais medo, de amar este homem, e a coisa não resultar... não estou preparada para isto. Não o devia ter conhecido agora. Até o psicólogo me desaconselha qlqr relação que seja... enfim... vamos ver...
Eu estou cá para lutar. por mim, por quem está cmg, e sté por quem nem conheço, mas precisa de uma mãozinha. Não me posso esquecer disto...
Obrigada Amiga, do fundo do coração... :**
De Pankas a 23 de Março de 2007 às 13:40
Olá amiga...

Ai a insegurança...
Ai o medo...

Tenta afastar-te deste tipo de sentimentos... Sê simplesmente tu... Como humano, todos erramos... Como casal temos que nos entender e completarmo-nos um ao outro; temos que nos sentir seguros... temos que emendar os erros um do outro e não usar a frieza... temos que ter paciência...

Espero k isso seja resolvido...

beijinho
De Bianca a 23 de Março de 2007 às 17:11
Patrícia... pois é, é um trabalho de equipa... e estamos a trabalhar nisso :) vamos ver o que o tempo conta...
beijinho grande Amiga, bom fim de semana :*** aproveita ;p

Comentar Luar

.O meu ADN Visual :)

Read my VisualDNA     Get your own VisualDNA™

.Passaram por esta Lua...

xanga tracker
Digital Blue Cameras

.luares recentes

. A Dôr de Sentir e Saber

. o fim

. Cegueira

. inércia

. Inconsistência

. Já não tenho palavras

. A Paz que não existe

. ai... suspiro...

. HOMEM

. Coração fora

.Luas passadas

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

.Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.blá blá blá?

.favorito

. Covardia

. "Amigo"

. Compadre Inventor

. Tu ... um encontro ...

. o maior tesouro do mundo

. Não sei o quê ...

.pesquisar nesta Lua

 

.subscrever feeds