Quinta-feira, 22 de Março de 2007

SENTIR

 

 

- Cala-te! O que fazes aqui?!

- Estou no meu lugar.

- Não! Não voltes. Pus-te longe de mim, não te quero por perto!

- Ouve-me.

- NÃO!!!!! Não te quero ouvir. Sei o que me vais dizer. Não quero isso. Não quero voltar a sofrer. Afasta-te!

- Não me posso afastar pelo simples facto de que faço parte de ti, eu moro aí dentro.

- Não moras mais, não te quero sentir, não te quero ouvir... não quero morrer por tua causa...

- Impossível não me sentires. Tentas, mas não consegues. Esforças-te mas... sou-te essencial, não vives sem mim...

- Vivo. Tenho vivido sem ti!

- Errado. Tens sobrevivdo sem mim.

- E estava bem!

- Errado. Estavas a esconder-te. Estavas a fugir à tua Natureza. Sou eu quem comanda a tua Vida, sempre fui. Não podes agora pôr-me de lado só porque te sou inconveniente.

- Não me és inconveniente. Quase me matáste!

- Não fui eu que quase te matei. Foi a tua impulsividade, foi seres precipitada e imatura. Eu sempre amei a mesma pessoa. Sempre. Foste tu que falháste nas tuas opções.

- Conduzida por quem?!

- Pela tua cabeça, farta de pensar, farta de tentar achar uma solução, farta da rotina...

- Cala-te! Foste tu que me traíste! Foste tu quem me deu o sentimento de desprendimento ao ponto de acabar com tudo, ao ponto de estar com outro homem. Foste tu.

- Também. Mas na altura achavas que tinhas razão. E a razão não vem de mim.

- ...

- Olha para mim. Sente-me.

- Não, não quero! Não posso! Não consigo... :'( não posso voltar a sofrer... consegui levantar-me, saír do buraco onde estava enterrada contigo, e não quero voltar para lá... vai-te embora, por favor... mas porque raio vieste agora falar comigo??????!

- Porque me estás a acordar novamente.

- Tenho medo...

- Estás novamente a SENTIR.

- Não... não posso... quase morri por tua culpa... não posso sujeitar-me novamente a isso...

- Faz parte da Vida. Tudo é um risco. Amanhã podes não estar viva, hoje amas, amanhã podes odiar, hoje gostas, amanhã podes detestar... Basta estares Viva para estares em risco... e recomeçáste a viver, por isso estou aqui. Tens de me ouvir, tens de me voltar a por no meu lugar, tens de me encarar... sente-me.

- Estou cheia de medo. Não quero voltar a amar. Dói. Não quero voltar a sentir nada que me faça tremer, que me faça rir, que me faça chorar, que me faça feliz, que me faça infeliz. Não quero sentir nada de tão poderoso... não estou preparada...

- Se sentes, é porque estás preparada, apesar do medo. É por isso que estou aqui. Não tens coragem de me procurar, eu entendo porquê, mas está na hora de regressares ao mundo dos Vivos. Acorda desse Mundo onde achas que podes viver sem amar, sem sentir apego por alguém, onde achas que nasceste para seres uma pedra de gelo, inabalável. Acorda e toca-me.

- Não posso. Ainda dói. Afasta-te.

 

tags: , ,
aluado por Bianca às 21:53
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.luares recentes

. A Dôr de Sentir e Saber

. o fim

. Cegueira

. inércia

. Inconsistência

. Já não tenho palavras

. A Paz que não existe

. ai... suspiro...

. HOMEM

. Coração fora

.Luas passadas

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

.Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.blá blá blá?

.favorito

. Covardia

. "Amigo"

. Compadre Inventor

. Tu ... um encontro ...

. o maior tesouro do mundo

. Não sei o quê ...

.pesquisar nesta Lua

 

.subscrever feeds