Quarta-feira, 16 de Maio de 2007

A vossa opinião...

... não sei se é do "desmame" da paroxentina, mas o certo é que me estou a sentir uma merda... só me apetece chorar, só me apetece esconder-me, desaparecer do mundo, ficar num sítio calmo, no meio da Natureza, não pensar em nada, não sentir nada a não ser Paz... vou pedir aqui uns dias no escritório (das poucas vantagens de ser trabalhador independente...), e vou... sei lá... ver se encontro uma forma de me encontrar com o meu ser, com a minha essência... preciso saír daqui. Preciso afastar-me. Só me apetece chorar e dormir. Estou cansada, exausta de me esforçar e ter sempre cenas que acabam por mexer comigo de uma forma que não me faz bem...
Digam-me uma coisa, imaginem que passaram a vossa vida toda a gostarem de azul, sempre foi uma côr que vos atraiu... e de repente começam a olhar para o... por exemplo, o branco, e começam a gostar também de branco e a usar essa côr, sentem-se cansados do azul, toda a vida gostaram e tiveram essa côr. Mas... será que não vão olhar sempre para o azul como sendo a côr que mexe convosco, como sendo a vossa eterna côr favorita?
Dêem-me a vossa opinião. Acho que me expliquei bem, por enquanto fica assim, se puder logo explico isso tudo e ponho tudo preto no branco... mas por enquanto ficam com esta situação. Opinem, please, com base na vossa personalidade ee experiência de Vida...
Uma beijoca muito grande, meus queridos, do fundo do meu coração....
aluado por Bianca às 15:14
link do post | vem até à minha Lua Azul | favorito
46 comentários:
De FELINO a 18 de Maio de 2007 às 23:14
Olá querida
Gostei muito do teu comentário e obrigado.
Espero que as coisas estejam melhores e mais calmas. Também gostaria que lesses os comentários todos desse meu pots que comentas-te mas não te assustes.
Beijinhos
Ass: Felino
De lovenox a 19 de Maio de 2007 às 22:44
Bianca:
Esta semana estive a fisgar nos meus catrapázios, os efeitos dos vários medicamentos de psiquiatria, e lembrei-me de ti, como te disse a semana passada tempos dificeis se avizinhavam, e como te expliquei também a tua frça de vontade é determinante.
Não te admires por gostares agora do rosa em vez do azul, porque a paroxetina provoca discinésia, e é particularmente dificil o seu desmame.
Ainda hoje os raios de acção das benzodiazepinas não está totalmente descoberto pelo que os efeitos de determinados fármacos não é igual em todos os doentes. no caso deste fármaco em particular não é de todo aconselhável a interrupcão repentina portanto cumpre tudo o que o médico te disse.
Eu estive aqui a pesquisar no teu blog e não tens ainda indicação do novo que poderá ajudar a melhorar a situação, é muito importante que não te isoles e que controles o humor.
Estou sempre aqui
De Warsalorg a 17 de Junho de 2007 às 23:19
Lovenox, por muito boa vontade que demonstres em ajudar a tua amiga Bianca, fizeste o trabalho de casa à pressa! A paroxetina é um psicofármaco, (vulgo anti-depressivo) e não uma benzodiazepina..O seu mecanismo de acção é completamente diferente do chamado comprimido benzodiaz= xanax; valium, victan, etc..O que acontece é que a meia-vida da paroxetina faz com que o usuário sinta mais os efeitos do desmame do que por exemplo a fluoxetina que tem uma meia-vida mais longa, e não é num blog que se explica todos os mecanismos de desmame..numa coisa tens razão, a interrupção repentina, não só não é aconselhável como "proibida"..outra coisa; a discinésia não têm nada a ver com as cores ou percepção de cores e do movimento, mas sim com uma perturbação do movimento, que é do foro neurológico, e não necessariamente devido á privação ou desmame da paroxetina..a tua ajuda podia ser boa mas carece de fundamento científico e isso pode desajudar e prejudicar em vez de pretenderes o resultado que desejas...Bianca, não te conheço, mas não inventes, procura o médico e o psiquiatra e fala com os dois em simultâneo se tiveres dúvidas sobre algo, porque assim eles vigiam-se um ao outro..bjs
De lovenox a 18 de Junho de 2007 às 16:37
Caro amigo logo após a recepção do seu comentário que agradeço desde já, fui verificar correctamente todas as informações que aqui deixou dando-lhe desde já razão e pedindo desculpa á Bianca pela informação incorrecta que pesquisei na altura muito rápidamente.
Em duas coisas estamos de acordo e se bem me recordo em vários comentários o afirmei á Bianca, a busca de ajuda médica especializada é essencial para a sua evolução positiva. e os Blogs não são de todo os melhores locais para a divulgação deste tipo de informação.
Fico-lhe grato pela correcção feita e convido-o desde já a visitar o meu blog.
Gostaria no entanto de deixar bem claro que não dei a minha opinião de animo leve, tendo sido facto que cometi uma incorreção na busca da informação, o que me levou a considerar a Paroxetina como uma Benzodiazepina que de facto segundo a sua informação não é.
O que me parece bem claro é que o uso deste tipo de fármacos e o seu desmame deve ser clinicamente acompanhado, é sempre bom que pessoas com mais experiência nos chamem a atenção de alguma forma para os nossos erros, o que de certa forma é compreensivel dado que no meu serviço 95% dos casos são de cirurgia e apenas uma percentagem minima Psiquiatria.
Um abraço cordial e mais uma vez obrigado pela sua chamada de atenção
De Bianca a 18 de Junho de 2007 às 16:50
Meus queridos Lovenox e Warsalorg... de forma nenhuma serve o meu blog para criar uma disputa entre voçês, que me parecem ser profissionais excelentes, e sempre atentos e com vontade de evoluír. Lovenox, não me prejudicaste de forma alguma com a informação que me deste, pois o importante estava lá: não largar a paroxentina sem mais nem menos, procurar a ajuda de um médico especializado,que foi o que fiz. Warsalorg, fico-te muito grata pelo esclarecimento adiccional que me deste, neste momento estou a ser seguida por um psiquiatra que me controla a medicação e as quantidades do que tomo.
Aos dois: OBRIGADA, e não me abandonem nesta luta...
De John a 30 de Julho de 2010 às 19:52
Warsalorg boas. Eu ando a tomar a paroxetina e tb alprazolam, ainda espero pela consulta num psiquiatra, entretanto já parei e recomeçei e sinto uma sensação de irrealidade, euforia, já perdi o controle mais do que uma vez. Perco facilmente a noção do tempo tb, estarei a fazer bem em tomar isto? Da minha depressão passei para um estado de inpulsividade... Descontrolo, nem sei explicar...
De sonhos de algodao a 21 de Maio de 2007 às 08:53
Bianca a parte das cores será um pouco a inconstância e insatisfação com o presente, o passado e o futuro que se avisinha, mas provavelmente tudo se deve ao facto de estares a fazer o desmame. Relativamente ao facto de te sentires sempre triste e isolada do mundo, eu fui e ainda sou um bocadinho assim, tive várias depressões e um esgotamento, uma anorexia nervosa etc.Infelizmente deixei de tomar a medicação porque já me sentia melhor, considero que foi um erro, porque nunca mais fui uma pessoa alegre e feliz, como era antes de tudo começar. E começou por um motivo específico, quando tinha 14 anos, a minha mãe foi atropelada por um autocarro, na passadeira, e eu estava com ela, a barafunda era enorme e só ouvia as pessoas a dizer que estava morta. Marcou-me e ainda hoje sonho com isso e acordo a gritar. Felizmente, apesar de ficar com algumas "marcas" do acidente, sobreviveu e está aí para as curvas, tem estravismo, hipertensão, coração gasto (de uma pessoa com 80 anos)...
Considero que foi esse o depoletar de tudo, o medo, o constante medo de perder uma pessoa tão importante para mim ficou aqui dentro, e apesar de ter pesadelos e andar em constante sobressalto com medo que aconteça alguma coisa ao meu marido, sei que estou a transmitir os meus receios provenientes desse acidente.
Assim sendo, também me quis isolar do mundo, tente suicidar-me, sentia um aperto no peito e a sufocar, sentia-me a gritar ao meu mundo a minha infelicidade e ninguém me ouvia...
Também gostava do preto e agora quase nunca o uso, porque me faz ficar e sentir muito soturna.
Um dia acordei e disse que tudo isto tinha que acabar, que não podia viver assim, que estava a ficar doida e a culpa era minha.
Segue à risca as orientações do médico linda, se não se sentires bem, liga-lhe ou vai lá falar com ele, não tenhas receio de mostrar o que sentes porque só assim ele te pode ajudar.
Ainda hoje, grávida, não consigo sentir-me feliz a 100% porque a preocupação com o pai do bebé e com o próprio bebé estão sempre lá.
Tem calma, desejo-te as maiores felicidades e quero que esse sol (que és tu) volte a brilhar brevemente).

De Pankas a 21 de Maio de 2007 às 15:03
Olá amiga!!!

Eu sinto-me cansada psicologicamente, não fisicamente... Deixa ver o k é k consigo transmitir aqui p ti...

As minhas cores preferidas sempre foram o azul e o cor-de-rosa...
O azul sempre me transmitiu uma sensação de paz e o rosa uma sensação de alegria... Visto muito estas cores...
Quando estou mais em baixo sinto necessidade de estar rodeada de azul... tenho necessidade de olhar para essa cor, de me perder nessa cor... deixo-me a flutuar nela...
Agora, quando ando alegre, o rosa acompanha-me muito... o rosa faz com que eu me sinta bem... mas nao tanto como o azul...

Beijinhos...
Fica bem...
De Warsalorg a 17 de Junho de 2007 às 23:20
Lovenox, por muito boa vontade que demonstres em ajudar a tua amiga Bianca, fizeste o trabalho de casa à pressa! A paroxetina é um psicofármaco, (vulgo anti-depressivo) e não uma benzodiazepina..O seu mecanismo de acção é completamente diferente do chamado comprimido benzodiaz= xanax; valium, victan, etc..O que acontece é que a meia-vida da paroxetina faz com que o usuário sinta mais os efeitos do desmame do que por exemplo a fluoxetina que tem uma meia-vida mais longa, e não é num blog que se explica todos os mecanismos de desmame..numa coisa tens razão, a interrupção repentina, não só não é aconselhável como "proibida"..outra coisa; a discinésia não têm nada a ver com as cores ou percepção de cores e do movimento, mas sim com uma perturbação do movimento, que é do foro neurológico, e não necessariamente devido á privação ou desmame da paroxetina..a tua ajuda podia ser boa mas carece de fundamento científico e isso pode desajudar e prejudicar em vez de pretenderes o resultado que desejas...Bianca, não te conheço, mas não inventes, procura o médico e o psiquiatra e fala com os dois em simultâneo se tiveres dúvidas sobre algo, porque assim eles vigiam-se um ao outro..bjs
De lovenox a 18 de Junho de 2007 às 16:41
Como deve ter visto já lhe deixei um agradecimento pela correção da informação.
Espero por si no meu blog
De lovenox a 18 de Junho de 2007 às 17:03
Já gora deixe-me o endereço do seu blog para poder visita-lo, dado que não consigo entrar directamente.
De Warsalorg a 19 de Junho de 2007 às 01:01
Lovenox, li o teu comentário e desde já te felicito pela tua humildade e elevação mas não é necessário muita preocupação..todos erramos, mas depois de ver a resposta da Bianca fiquei mais tranquilo. Só fiz esse comentário porque vi que quiseste ajudar realmente, mas que em assuntos tão delicados como este convém ser muito rigoroso; mas também falaste na ajuda médica por isso não foi completamente infrutífero o teu comentário, e quando comentei (sei que percebeste isso bem) não quis criticar nem condenar, apenas ser rigoroso no "tema"..Há temas em que podemos facilitar à vontade, e em muita coisa..mas nestes...Esta não é a minha área..muito pelo contrário, mas como tenho familiares na área, e sempre tive interesse por farmácia e medicina, e alguma experiência de muitos casos relacionados com fármacos, alguns deles bastante complicados, manifestei-me...Olha, o meu blog está completamente desactualizado."O Teatro do Real” falta de tempo, etc, etc...mas pronto, deixo aqui o endereço à mesma, nem que seja só para uma visita (lol) e obrigado pelo convite para visitar o teu..assim farei..Se não me engano és meu conterrâneo ou vives cá...Da velha e pacata Lusa Atenas, a nossa Coimbra que espera à sombra por melhores dias...E, Bianca..não há aqui disputa nenhuma...tentei encontrar o teu mail mas não vi? E mandei um mail para outra pessoa..acho..

Abraço e bjs

http://warsalorg.blogspot.com/
De Bianca a 19 de Junho de 2007 às 09:32
... o meu e-mail é antonioantonio@sapo.pt....
obrigada. hoje é um dia negro.
De Rui a 31 de Julho de 2008 às 17:18
Olá Bianca. Já lá vai um ano, muita coisa já deve ter acontecido... Eu tomo o Seroxat (paroxetina) há 10 anos. Tentei o desmame 5 vezes, desde o brusco e estúpido até ao verdadeiro desmame que durou meses. De todas as vezes, mais tarde ou mais cedo, os sintomas vieram: depressão, vontade de chorar por tudo e por nada, regresso obcessivo ao passado, incapacidade para enfrentar as tarefas mais básicas do dia a dia e isolamento. E eu nunca tomei mais de 20 mg/dia! Gostaria muito de saber se já se conseguiu libertar e como. Beijinho, Rui
De Bianca a 7 de Setembro de 2008 às 17:55
Olá Rui, desculpa demorar a responder, mas o ritmo de vida não deixa.... ou talves seja mesmo eu q nao deixo e culpo o ritmo... pois é, consegui, não tomo NADA para a depressão ou seja para p q for... fiz à bruta e aguentei-me. Físicamente. Psicológicamente... bem... tenho andado adormecida, só existopara o trabalho e para uma ou outra festa q vá surgindo, há algubs meses comecei novamente a procurar os meus amigos, q me receberam de braços abertos, poucos, mas tão bons... agora para ser franca... acho q deveria ter continuado o tratamento, acho q pelo menos deveria ter recomeçado, pois não me sinto saudável em termos psicológicos... como eu digo, "disfarço" bem, mas aqui dentro Rui... só eu é q sei... o maior sinal de q não estou bem é q não tenho medo de morrer. Não sinto medo nenhum de de hoje para amanhã deixar isto tudo... não estou a construír nada, não faço parte da vida de ninguém para o ql seja fundamental, não tenho um papel fulcral em nada no meu mundo. Não ando cá a fazer nada. Quem me conhece vê-me a rir, gozona como sempre, com um carácter mt forte, tenho um coração do tamanho do mundo, mas sou mt exigente e há coisas q n perdoo. E para quem me conhece estou normalíssima... e penso agora eu assim: não há ninguém q me conheça, nem a minha própria mãe, ou seja lá quem for. Estou infeliz. Extremamente infeliz. E não sei como fazer para saír disto. Acho q não sei viver uma vida normal. Aparentemente sei, mas a realidade é outra. Por isso Rui, eu não consegui nada, ea única coisa q te posso dizer é que continues a seguir a tua medicação e nunca deixes de fazê-lo enquanto sentires necessidade. se os químicos nos ajudam a ser felizes, ou pelo menos menos miseráveis, vivam os químicos. Cuida de ti Amigo, não te isoles, e nunca percas o amor à Vida.
Um Abraço, e FORÇA!
De luciene a 28 de Agosto de 2008 às 18:51
ERA SÓ UMA MULHER DE ROSTO AINDA BONITO MARCADO PELO TEMPO.
AS LAGRIMAS CORRIAM SEM QUE ELA PUDESSE PARAR E NEM O MOTIVO SABIA, APENAS UMA GRANDE SAUDE INVADIA SEU CORAÇÃO . TAVA NO LUGAR ERRADO E TODOS A SUA VOLTA ERAM DESCONHECIDOS DE ALMA, fAMILIA! E A MINHA ONDE ESTA, LOUCAS? NOS SOMOS A SUA FAMILIA NÃO!
OLHO PARA AS ESTRELAS E LÁ ESTÃO ELAS A ME ESPERAR, E DIZEM CORAGEM E FORÇA, VC VOLTARA PARA O MEIO DE NOS, O QUE FIZ?
PORQUE ESQUECI A TENDA QUE ME COBRIA A AGUA QUE NO RIACHO BEBIA, O VINHO QUE ME ALEGRAVA ENQUANTO EU DANÇAVA,COMEMORANDO O QUE, NÃO HAVIA NECESSIDADE TUDO ERA MOTIVO PARA COMEMORAR
hOJE EU DEIXO AS LAGRIMAS CORREREM, SE PARA O OUTRO LADO EU PASSAR E UM DIA PASSAREI NÃO CHOREM HIPOCRITAS, TOQUE UMA MUSICA ALEGRE, SE QUISER MENTIR E DIZER QUE EU ERA MARAVILHOSA, OTIMO, MAS NÃO ME CHAMEM DE sANTA,NUNCA VI UMA HISTORIA DE SANTO QUE NÃO TIVESSE SOFRIMENTO, mENINA DA llLUA AZUL, sorria, mesmo que as lagrimas corram escondidas no seu rosto, é uma poesia linda! não apenas ela mas as outras , mas não olhe só para a lua olhe para as estrelas e vc vera coisas que só pessoas especiais veem, e vc é uma dela.Deus Te ilumine e te dê mais e mais intuição para sicatrizar as feridas da alma
Uma amiga que te adimirou muito pelo seu don
De nanda a 1 de Janeiro de 2009 às 20:15
Estou neste momento a fazer o desmame da paroxetina e tou-me a passar...só me apetecer agarrar na caixa de comprimidos e toma.los todos!! Ja so tou a tomar um quarto de comprimido e sinto tantos efeitos secundários, tenho vertigens a cada segundo, não consigo dormir, penso em agredir-me...não tá fácil:(
De Bianca a 2 de Janeiro de 2009 às 14:17
... bem, isso está mau... este post já o fiz há mais de um ano, e hoje não dependo de nada, em termos de medicamentos, consegui fazer o desmame, q tb não foi fácil. Na altura lembro-me q o que mais me ajudou foi aminha vontade de viver sem depender d químicos nenhuns para me sentir bem, e para saber se realmente era EU que me sentia bem, ou se eram só os comprimidos q me davam uma falsa sensação de "coração leve". Em relação aos sintomas físicos, pois tens de ter cuidado contigo, se calhar evitares andares sozinha na rua, lembro-me q eu estáva um perigo a atravessar estradas, desiquilibrava-me, sei lá! e teres mt paciência, pois isso acaba por passar. Em relação aos sintomas psicológiocos, a vontade de te agredires, pois Nanda, tens de ser forte e não caír nessas armadinlhas... estas a dar um passo em direcção à libertação, não um passo para o precipício, certo? não fujas dos amigos e da família, não te isoles, qd tiveres vontade de conversar por te sentires triste ou com ideias dessas, liga a alguém da tua confiança, ou faz como eu, lol, cria um bog, e vais ver q os amigos aparecem e são um grande conforto...
Um braço cheio de esperança e força, se precisares estou por aqui ;)
De Nanda a 2 de Janeiro de 2009 às 16:15
Eu tenho essa vontade, de me libertar de vez dos químicos e vou continuar doa o que doer...só q há momentos em q dá pra desesperar!Hoje sinto-me melhor;)obrigada beijinhos
De Bianca a 3 de Janeiro de 2009 às 19:42
:) boa Nanda, não desistas, nem cedas a essas ideias malucas q nos passam pela cabeça. Isso passa, eu sei ;)
Beijinho enorme, e Força :)
De ANGEL_83 a 31 de Maio de 2011 às 10:28
oi...
tou a fazer desmame com paroxetina,mas foi td muito rápido em 2 dias parei as20mg que tomava,já lá vão 20 dias e parece que cada dia é pior que o outro,já não sinto forças para acreditar que vou ficar melhor...
a ansiedade voltou,o pânico também tá a querer voltar,entre muitos outros sintomas que tenho tido...
o psiqu. diz que é ressaca como a dos toxicodependentes....quanto tempo ainda isto vai durar?!
TOU SEM FORÇA.....
De Bianca a 13 de Junho de 2011 às 15:36
Angel, só te posso dizer que esta fase da minha Vida já foi há mtos anos, como podes ver pela dat. O teu Psiq. tem razão, é como se fossemos toxicodependentes a deixar a doga. É preciso mta força, e ACREDITAR que vais ficar bem, porque vais. Eu fiquei, por isso, acredita. Custa os primeiros tempos, mas tens de ter paciencia, porque isso passa. Tb é MUITO importante estares com Amigos, Familia, não fiques sozinha, NUNCA se te sentes deprimida... não fujas, não te isoles... acredita em ti, e que mereces o melhor da Vida. FORÇA!
beijinho grande**
De Rapaz a 17 de Março de 2009 às 21:14
isso tudo tem a ver com a privação do farmaco , em particular a paroxetina ou seroxat (nome comercial) deve ter um acompanhamento medico na altura do desmame, mas a pergunta que eu deixo não querendo ser demasiado curioso, o medico que lhe receitou o farmaco disse-lhe para parar de o tomar? A patologias que não deve parar a medicação atenção a isso porque depois para recuperar pode demorar um pouco mais

Cumprimentos
De Bianca a 25 de Março de 2009 às 22:32
No meu caso sim, pois considerava desadequada a paroxentina para mim e queria-me limpa para começar com outra medicação... o que nunca aconteceu, (felismente?).
De TiagoO a 11 de Abril de 2009 às 17:06
Ola tenho 19 anos foi-me diagnosticada uma suposta depressao .. a unica coisa Que me recomendaram foi victan .. pus na minha cabeÇa que estava doente .. tinha sintomas estranho desiquilibrio no andar tonturas etc .. isto ja foi a tres meses a cinco dias Q n tomo nada ... custa-me a dormir hj passei o dia todo com vertingens e tudo mais ... espero Q estes sintomas me passem rapido ... porque com 19 anos ja me sinto cansado e sem força para nada daquilo a que tenho "direito" com esta idade ... um abraÇo!
De Bianca a 13 de Abril de 2009 às 00:13
Força Tiaguinho :) não percas a força e nunca deixes de acreditar em ti. Tenho a certeza q isso passa, tb já passeio pelo mesmo, e digo-te: isso passa :) tb te deixo uma frase q li algures nesta fase horrível q passei: A Vida nunca te apresenta obstáculos que não consigas ultrapassar.
Percebes? se estás a passar por isso encara como umaaprendizagem, não como uma "tentativa de homicídio" da parte da Vida ;) ha-de dar-te força e conhecimento para outras coisas q virão. Força Tiago :**
De elisabete alves a 17 de Abril de 2009 às 12:31
OLÁ A TODOS,
SOU "NOVA" AQUI MAS QUERIA DAR OS PARÁBENS A QUEM SE LIBERTOU DOS QUÍMICOS E DAR FORÇA AOS QUE ESTÃO COMO EU A TENTAR.
SOFRO DE ATAQUES DE PÂNICO ASSUSTADORES.PSIQUIATRA RECEITOU-ME FLUOXETINA E VICTAN. TOMO HÁ 3 ANOS. HÁ 18 DIAS, REDUZI A FLUOXETINA DE METADE (FOI O ASSISTENTE DO MEU PSIQ. QUE ME DISSE PARA FAZER ASSIM). HÁ 2 DIAS TIVE UM ENORME ATAQUE DE PÂNICO E VOLTEI ENTÃO A TOMAR FLUOXETINA SEM REDUÇÃO. INFELIZMENTE, O MEU PSIQUIATRA ESTÁ FORA, SÓ REGRESSA PARA A SEMANA. O MAIS PROVÁVEL É EU TER DE FAZER UM DESMAME AINDA MAIS GRADUAL E MAIS LENTO. VOCÊS SABEM BEM QUE É DIFICIL DEPENDER DE UM FÁRMACO E NO MEU CASO QUERO MESMO CONSEGUIR LIBERTAR-ME DELE POIS JÁ ENGORDEI 15 QUILOS E NÃO COMO NADA DE MAIS...ENFIM...ESTOU A PRECISAR DE FORÇA PARA AGUENTAR ISTO TUDO. GOSTARIA DE CONHECER AQUI PESSOAS QUE TOMEM FLUOXETINA E QUE ESTÃO A FAZER O DESMAME OU JÁ FIZERAM.UMA PRIMA MINHA DISSE-ME QUE O DESMAME DA FLUOXETINA É MAIS FÁCIL QUE DE OUTROS ANTIDEPRESSIVOS.SERÁ VERDADE? BEM, EM TODO O CASO, EU COMECEI MAL. E AGORA A MINHA PERSPECTIVA MUDOU: DURANTE ESTA PRIMEIRA TENTATIVA DE DESMAME, ANDAVA COMPLETAMENTE DESPREOCUPADA EM RELAÇÃO AO DESMAME, ESQUECI-ME COMPLETAMENTE QUE ESTAVA A REDUZIR. AGORA, DEPOIS DESTE FRACASSO E DO ATAQUE DE PÂNICO, FIQUEI COM MEDO E VOU ANDAR OBCECADA COM OS ATAQUES DE PÂNICO QUANDO TENTAR DE NOVO...ALGUÉM SABE O QUE É UM ATAQUE DE PÂNICO? É HORRÍVEL, PARECE QUE VAMOS MORRER NAQUELE MOMENTO, O CORAÇÃO DISPARA (TAQUICARDIA), FALTA-NOS O AR, TODO O CORPO TREME(É IMPRESSIONANTE PARA QUEM ASSISTE!), DÁ-NOS VOLTA Á BARRIGA E POR VEZES NEM ISSO CONTROLAMOS...POIS IMAGINEM, TER UM ATAQUE DE PÂNICO A CONDUZIR OU QUANDO ESTAMOS SOZINHOS...QUEM ME DERA SER NORMAL MAS DUVIDO QUE VOLTE A SER A PESSOA QUE ERA. POR FAVOR, INCLUAM-ME NO VOSSO GRUPO DE CONVERSA PARA TER ALGUM APOIO. OBRIGADA. ASS. ELIS (ELISABETE)
De Bianca a 18 de Abril de 2009 às 01:21
... Elis... linda... és bem vinda ao meu cantinho sempre que queiras... apesar de já n ter tanto tempo para cávir mais frequentemente, sempre q te apanhar por aqui pois dar-te-ei um bocadinho de força e esperança, porque sei que é possível ultrapassar isso. Eu sei. E se eu consegui, tu tb vais conseguir Elis, tenho a certeza. E tu, tens a certeza? Sabes q acreditar é mais de meio caminho andado para as coisas acontecerem. Acredita q és capaz. Não te condenes a viver nessa agonia e na dependência de coisas que são invasoras do nosso organismo linda. Aqui dentro temos o que precisamos para ser felizes. eu acredito nisso. Temos a nossa Cabeça, o nosso Coração, a nossa Alma. A nossa FORÇA e a nossa CORAGEM. VIVE Elis. VIVE. Só temos esta oportunidade. Vive querida ***

Comentar Luar

.O meu ADN Visual :)

Read my VisualDNA     Get your own VisualDNA™

.Passaram por esta Lua...

xanga tracker
Digital Blue Cameras

.luares recentes

. A Dôr de Sentir e Saber

. o fim

. Cegueira

. inércia

. Inconsistência

. Já não tenho palavras

. A Paz que não existe

. ai... suspiro...

. HOMEM

. Coração fora

.Luas passadas

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

.Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.blá blá blá?

.favorito

. Covardia

. "Amigo"

. Compadre Inventor

. Tu ... um encontro ...

. o maior tesouro do mundo

. Não sei o quê ...

.pesquisar nesta Lua

 

.subscrever feeds